quinta-feira, 1 de julho de 2010

Homenagem à Naira Vasconcellos

A palestra sobre os 30 anos da Lei da Anistia, com Cláudio Elmir, era apenas um dos motivos para reunir alunos, professores, ex-docentes e egressos do curso de História da ULBRA Canoas na noite de 29 de junho. O objetivo principal ainda era surpresa para uma docente: Naira Vasconcellos.

No dia de seu aniversário, marcando o início de sua aposentadoria, a professora Naira recebeu homenagem pelos 20 anos de dedicação ao curso. Fundadora da graduação na ULBRA em 1990, Naira tem uma trajetória de solidariedade, amizade e carinho com todos que passaram pelo curso, seja como aluno, professor ou funcionário. “Ela deixa marcas em todos nós e todas as palavras são insuficientes para descrevê-la”, comentou Roberto Santos, coordenador do curso de História da ULBRA. Segundo ele, foram dois meses de organização do evento.

Alunos da graduação e da Especialização em Patrimônio Cultural e Identidades, além de professores e funcionários, prestaram homenagem através de um vídeo com depoimentos. O material, produzido em conjunto com o curso de Comunicação Social, foi entregue à docente, junto com outros presentes.

O pró-reitor de Extensão e Assuntos Comunitários e também professor do curso, Ricardo Rieth, falou que a “Universidade se faz com pessoas, como estudantes, colaboradores e professores. Nestes dez anos de casa, vi como a Naira se preocupa com os outros, e isso mostrou como é uma pessoa na faculdade. A ULBRA se orgulha de ter uma professora como a Naira”.

A homenageada da noite, Naira Vasconcellos, agradeceu todo o carinho recebido e expressou seus sentimentos: “A aposentadoria foi muito esperada, mas não será fácil deixar a Universidade. Foram 20 anos vividos aqui dentro. Não só dei aulas, mas criei laços. As muitas lembranças ficarão guardadas para sempre”.

Fonte: http://www.ulbra.br/historia/noticia/1042/homenagem-a-naira-vasconcellos/
ULBRA - Universidade Luterana do Brasil - www.ulbra.br
Extraído de; http://www.ulbra.br/historia/noticia/1042/homenagem-a-naira-vasconcellos/

0 comentários:

Postar um comentário