quinta-feira, 28 de abril de 2011

O modelo de professor ideal

Por: Julina Bublitz 


Diante da lousa, com a autoridade de quem detém o saber, o professor discursa. Em silêncio quase sepulcral, os alunos escutam. Não há brecha para questionamentos. Corriqueira décadas atrás, a cena já não existe ou está com os dias contados. Com o século 21, não por acaso batizado de século do conhecimento, nasce um novo mestre.


Com o intuito de valorizá-lo, o movimento Todos Pela Educação lança uma campanha de mobilização, que a partir de hoje – Dia da Educação – ganha destaque nacional. Com o slogan Um bom professor, um bom começo, a manifestação reforça a importância desses profissionais e pressiona todos os setores do país por melhorias.

– O professor tem uma posição estratégica no século 21. Só que precisa ser valorizado, e isso inclui salários iniciais atraentes, plano de carreira e melhores condições de trabalho. Não basta ter brilho nos olhos e, como se diz aqui no Nordeste, fogo nas ventas – diz Mozart Neves Ramos, professor da Universidade Federal de Pernambuco e conselheiro do Todos pela Educação.

A pedido do Santa, especialistas apontam as qualidades imprescindíveis para um bom educador

Mais:

Fonte: Jornal de Santa Catarina

0 comentários:

Postar um comentário