terça-feira, 21 de junho de 2011

Mais de 50 mil peças arqueológicas serão expostas em museu de Cuiabá

Peças estavam arquivadas na Universidade Católica de Goiás
Abertura do acervo será nesta terça-feira no campus da UFMT em Cuiabá. 
A reserva técnica de Antropologia e Arqueologia do Museu Rondon da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) será inaugurada nesta terça-feira (21), às 16h, em Cuiabá. O novo espaço vai abrigar mais de 50 mil peças arqueológicas encontradas na década de 1970.
Além da exposição do acervo, os índios Umutina irão fazer uma apresentação no Parque Aquático, durante a abertura do espaço. As peças, por falta de local apropriado em Mato Grosso, estavam arquivadas no Instituto Goiano de Pré-História e Antropologia (IGPA), da Universidade Católica de Goiás (UCG).
De acordo com a universidade, além da conservação, o acervo arqueológico e etnológico será utilizado para pesquisa e trabalhos de estudantes na área. A visitação pode ser feita em horário comercial.
Museu Rondon
O Museu da UFMT foi inaugurado no dia 8 de janeiro de 1973 no campus de Cuiabá. As ações realizadas pela reserva técnica do Museu Rondon contaram com a colaboração de diversos arqueólogos, indigenistas, pesquisadores, fotógrafos e ambientalistas.

0 comentários:

Postar um comentário